quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011

Sabiam...


Sabiam...
.
Eles sabiam que o tempo era curto...
Mesmo assim necessitavam-se
Precisavam e sucumbiam ao amor que sentiam.
Não tiveram medo do futuro...
Não fizeram pactos
Nem combinaram qualquer coisa
Que significasse ...partir.
.
Sonhavam...
Riam...
Amavam-se apenas e totalmente.
.
Ele sabia de muito mais...
Ocultava detalhes.
Ela??
Não queria sentir...
E sentia.
.
Ele ficava acordado enquanto ela dormia
Presa no corpo
Pele na pele.
Fechava os olhos
Sentia o cheiro, acariciava a pele,
Esquecia o tempo...
E sempre tremia.

Ana €!¡sa
23-02-2011
17h

5 comentários:

A.S. disse...

Ah!... São desejos os olhos que em mim deixas quando em ti me abandono... caricias ardentes deslizando sobre a pele!


Beijos meus,
AL

Ana €!¡sa disse...

Albino...

Tuas palavras são poemas que deixas em minha pele, quando deixo em tuas mãos todo o meu tempo.

Ah!! Poeta
vc me deixa sem palavras...
beijo meu
Ana...

ღ Callie ღ disse...

A doçura

Que a saliva

Da língua

Não fala

Nem cala

A riqueza

Que o silêncio

Convida...


beijoos doce poetisa ..

ღ Callie ღ disse...

A doçura

Que a saliva

Da língua

Não fala

Nem cala

A riqueza

Que o silêncio

Convida...


beijoos doce poetisa ..

Ana €!¡sa disse...

obrigada por vir, Callie

saudade, viu??
beijo