sábado, 23 de outubro de 2010

Um Ano...


Um Ano...

" Depois desse "todo" tempo
Eu ainda continuo sem palavras,
Quando penso em nós.

Nossos momentos,
Silêncios
Risos...
Nossa cumplicidade.

O amor que me deixou,
ainda preenche os dias,
Amortece as noites.

O toque...
Teu cheiro
Paixão...
Você...
E tanta saudade.


Eu nem sei como sobrevivo,
Talvez esse amor (nosso)
Enraizado
Forte, intenso...
Eternizando-te em mim."

Ana €!¡sa
28-10-2010

Um comentário:

kheper11 disse...

SEM VOCÊ
(Kheper Pereira)

Por mais eu caminhe,
nunca pude te esquecer,
cada dia era uma tormenta,
pois perdera um amor
que sempre soube me ter,
eu que não compreendia
a sua maneira de dizer
eu te quero todos os dias.
Hoje sem você sinto saudades
porque nunca a deixei,
o seu lugar vazio em meu SER,
mas ainda ccontinuo querendo
poder viver junto dessa mulher.