quarta-feira, 4 de janeiro de 2017

Vento e Desejo

Vento e Desejo

' Ela estava quieta olhando pela janela, vira-se, distraída para secar os cabelos...e sente um arrepio percorrendo a nuca, era o vento, atrevido, querendo sussurrar metáforas carregadas de desejo.
Mas, tão tempestuoso, agita-se afoito e fecha a janela e ela fica ali, 
quieta, sorrindo, à espera. '

Ana €l¡sa
04/01/2017

Nenhum comentário: